poeiraCast 261 – Discos independentes pioneiros no Brasil
por Bento Araujo     25 nov 2015

Na década de 1970 e no início dos anos 1980, lançar uma produção fonográfica independente era coisa apenas para os lutadores mais fortes, mais destemidos, ou mais sagazes. E o período produziu discos que hoje são considerados clássicos. Antonio Adolfo, Lailson de Holanda & Lula Côrtes, selos como Baratos Afins e inúmeros outros artistas e produtores trouxeram para o ouvinte antenado brasileiro opções ao que as grandes gravadoras tinham a oferecer.

Baixe esta edição do poeiraCast
  1. roberto forcato

    ai galera,grande programa esse,O Elomar , maior cantor/compositor do mundo para mim de todos os tempos, gravou alguns discos pela kuarup, mas seus primeiros e principais discos são do seu selo Rio do Gavião,

    Responder
    1. Claudio Rocha

      Desculpe, mas citação é do sociólogo Betinho, o outro irmão do Henfil que estava no exílio (“a volta do irmão do Henfil/ E tanta gente que saiu / Num rabo de foguete”).

      Responder
  2. roberto forcato

    Damião Esperiença é um caso dificil de classificar, situar até de comentar, para mim ele é o que eu conheci que mais se aproxima de Zappa, dos mais experimentais do Zappa.

    Responder
  3. monica

    Muito bom o programa , esse tema dá mais um programa , legal que não falaram só de rock deram uma geral que pra mim foi legal até o Damião entrou na roda! na boa nunca pensei que ele fosse ser citado no poeira ou em qualquer outro lugar já valeu por e também pela Ná Ozzetti e o Itamar.
    parabéns

    Responder

Faça um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *