poeiraCast 220 – Pop barroco
por Bento Araujo     11 fev 2015

Cravos, cordas, floreios e influência da música erudita: neste episódio o assunto é o chamado “baroque pop”, que floresceu no rock dos anos 1960 através de Left Banke, Sagittarius, Zombies, Love Sculpture, etc.

Baixe esta edição do poeiraCast
  1. Sidney Falcão

    Boa noite.

    Sou fã de Beatles e gosto de pop barroco. Sobre o pop barroco brasileiro, citaria “E Por Isso Estou Aqui (Olha)”, de Roberto Carlos, como um ótimo exemplo nacional do gênero, e gravado antes de “Espelhos Quebrados” de Ronnie Von, que é de 1968. “E Por Isso Estou Aqui” é do álbum “Roberto Carlos em Ritmo de Aventura”, de 1967 que trilha sonora do filme homônimo. Roberto canta essa música no filme, e o que chama atenção é que o órgão elétrico, executado por Lafayette (que aparece no filme), faz as vezes do cravo. Esse trecho do filme, pode ser visto no Youtube.

    Citaria outro exemplo nacional, ainda que tardio, “Flores em Você”, do Ira!, de 1986 e que a exemplo dos dois anteriores, acredito eu, foi gravado com um quarteto de cordas.

    Responder

Faça um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *