poeiraCast 251 – Os melhores discos de 1995
por Bento Araujo     16 set 2015

Desta vez voltamos no tempo apenas 20 anos, e conversamos sobre o rock da metade da década de 1990.

Baixe esta edição do poeiraCast
  1. Pedro

    Gremio ganhou. Galo e coringão perderam. Noite linda. Programa perfeito. Divertido como sempre. Ricardo renovo meu pedido de desculpas. O melhor de 95 é o disco do Oasis mesmo, e td bem q vcs não gostam. Viva a democracia. Abraçaços.

    Responder
  2. João

    Não ouvi ainda o programa, mas concordo com o que o Ricardo fala desde a época da Jardim Elétrico e reforça sempre que pode nos podcasts: a melhor banda da década de 90 é, disparado, o Black Crowes.

    Responder
  3. Diogo Maia de Carvalho

    O último do Sabbath, Forbidden, foi lançado em 1995. Além de ser o pior da banda ainda tem a única música deles que é quase insuportável de escutar: Shaking Off the Chains. Que música terrível…

    Responder
  4. Marcel de Souza

    E aí pessoal do Poeiracast, tudo bem? Mais um podcast bacana de vocês, muito bom. Só queria aqui dizer que eu comecei a escutar o podcast semanalmente na hora que eu levo meu filho Matheus de 6 anos pra dormir, e agora ele não para de repetir a vinheta “poeiracast” pela casa, minha esposa não entendeu nada, ahaha! Apesar de novinho ele já tem as bandas preferidas dele: Beatles, Queen, Kiss, AC/DC, Ramones e Iron Maiden.
    1 abraço pra vocês!

    Responder
  5. monica

    Obrigado pessoal por responderem minha pergunta no ar , não pensei que ia ser respondida, e agradecer por refrescar minha memória sobre o ano de 95 , realmente foi um ano bem legal para quem como vocês dizem ” almoça e janta UFO” e vou reforçar uma sugestão que acho que foi do José , um podcast sobre biografias , que na minha opinião daria uma série bem divertida, agora então com biografia do Andy Fraser sendo lançada e lendo a autobiografia do Gerry Mcavoy onde ele reclama que o Rory Gallagher era uma pessoal difícil, pagava mal , não era bem tratado por ele e não recebia créditos nem pelas músicas e por direitos de imagem , depois de isso ( ainda não terminei o livro li apenas trechos pois achei ele mal escrito e confuso em algumas partes) tô ansiosa para ler do Andy Fraser.
    Obrigado pela atenção e principalmente pela paciência

    Mônica

    Responder
  6. Pedro

    pessoal, na loja do poeira tem varias das edicoes q estavam esgotadas! me fartei e quase fechei a colecao. so me faltam as ns. 1 e 2. quem tiver me avisa. pago bem! vale a pena poeiristas! a melhor revista de musica da historia desse país. ricardo de novo minhas desculpas. abçs.

    Responder
  7. Caio Alexandre Bezarias

    Não esperava que Roots to Branches fosse citado(e elogiado);realmente, foi uma ressurreição do Jethro Tull.
    Bento, também estive nos dois primeiros Monsters e experimentei as mesmas alegria e frustração, durante os shows do Sabbath e Ozzy;ao final do show deste, também ‘viajei’ e na imaginação, ‘vi’ e ‘ouvi’ os quatro tocando juntos. Coisas que só nós roqueiros de estirpe vivemos e compreendemos!
    E a imagem (capa de disco) dessa edição é desconcertante! Prince a ilustrar o PzCast?! Estará Sérgio Alpendre ganhando poder na redação do Poeira, apesar de tanto desconcertar os demais empoeirados com suas declarações bombásticas? Rs rs rs.
    Abraço a todos.

    Responder

Faça um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *