poeiraCast 471 – 50 anos de Demons and Wizards e Argus
por Bento Araujo 11 Maio 2022

Em 1972 eram lançados, no intervalo de alguns dias, dois álbuns que se tornariam icônicos das respectivas bandas: Demons and Wizards, do Uriah Heep, e Argus, do Wishbone Ash. Este episódio é uma conversa sobre os álbuns e o rock da época.

Ouça o poeiraCast também pelo Spotify, Deezer, iTunes e diversos apps de podcast.

Depois de treze anos de estrada e mais de 470 episódios online, o poeiraCast precisa do seu apoio para continuar no ar. Seja um assinante/apoiador do poeiraCast e faça parte desta história. Para realizar o seu apoio e saber mais sobre as recompensas, acesse catarse.me/poeiracast

Importante: o poeiraCast somente irá continuar se atingirmos a meta mínima da campanha.

Agradecimentos especiais aos apoiadores:

Alexandre Citvaras, André Gaio, Antonio Neto, Bruno Pugliese, Caio Bezarias, Carlos Albornoz, Cláudio Lemos, Claudio Rosenberg, Eduardo Alpendre, Ernesto Sebin, Fernando Padilha, Flavio Bahiana, Hélio Yazbek, James Yamazato, José Adja de Souza, Luís Araújo, Luís Porto, Luiz Paulo Jr., Marcelo Moreira, Marcelo Zarra, Marcio Abbes, Marco Antonio de Carvalho, Matheus Pires, Mauricio Pires, Miguel Brochado, Nei Bahia, Peter Alexander Weschenfelder, Rafael Campos, Raul dos Santos, Rodrigo Acrdi, Rodrigo Lucas, Rodrigo Werneck, Vagner dos Santos, Vandré dos Santos.

Baixe esta edição do poeiraCast
  1. Marcio Abbes

    Muito bom ouvir um programa com o tema que aborda o meu disco preferido de rock de todos os tempos: o magnífico “Demons and Wizards”, do Uriah Heep. E com a participação do Rodrigo Werneck, um profundo conhecedor da discografia da banda. Parabéns a todos os debatedores do excelente programa!

    Responder
  2. Marcio Abbes

    “Argus” é um disco maravilhoso! Agora, é pecado ser considerado melhor que o “Demons and Wizards”. As faixas “Paradise”, “The Spell” e “Circle of Hands” já colocam o disco do Wishbone Ash num patamar abaixo. Pronto, falei! Kkkkkkkkk

    Responder
  3. Roberto Arara

    Fala galera do Poeira, prezer em ouvi-los. dois discos maravilhosos de duas bandas maravilhosas, mas acho uma sacanagem compara-las, é meio querer comparar Beatles com Liverpool Express, duas bandas legais mas com uma dastancia consideravel entre elas. Uriah heep entra facil no meu top6 de bandas de todos os tempos, wishbone ash dificilmente entraria num top 50. meus amigos, abraços a todos.

    Responder

Faça um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *